Musculação: hipertrofia da beleza

[ad#admin]

A musculação é sem dúvidas a saída mais eficaz quando se quer alcançar uma série de benefícios de uma só vez, podendo adaptá-la ao seu principal objetivo seja hipertrofia, emagrecimento, resistência, recondicionamento entre outros. Provavelmente o que realmente você esteja procurando seja uma boa aparência que com certeza virá se você for uma pessoa determinada.

Nosso organismo é algo extremamente complexo que varia em muitos aspectos, principalmente na adaptação ao esforço sendo o que acontece com uma pessoa devido a determinado exercício pode não acontecer o mesmo em você, por isso não devemos tratar todas as pessoas da mesma forma se tratando de musculação. Quantas vezes você já foi para uma academia e o instrutor mal lhe entrevistou para saber quais seus objetivos e já foi lhe colocando para fazer exercícios e dizendo:…” faça 3 de 12″…? Ou 3 x 10 ou 3 x 15 entre outras, uma coisa que ele deveria saber é que o corpo humano não veio com manual de instruções e deve ser respeitado suas individualidades afim de obter o resultado esperado e não causar danos ao cliente.

A hipertrofia muscular ocorre quando há um aumento das células musculares, consequentemente suas fibras aumentam em quantidade e volume, para que isso ocorra os músculos necessitam ser exercitados de forma que a tensão sobre ele seja máxima ou sub-máxima, o músculo precisa ser nutrido adequadamente de modo que suas células utilizem e se alimentem corretamente para que haja o anabolismo e nunca catabolismo. Aliado a isso a recuperação deve existir (mínimo de 48 horas) para que não haja o retreino causando efeitos não esperados como déficit de força em determinado segmento muscular, stress sob determinado músculo e principalmente a diminuição da massa muscular. Também não deve ocorrer exagero no descanso para que não haja o destreino muscular.

Quando falamos de iniciantes na prática de musculação se o objetivo for a hipertrofia, deve ser dado tempo as fases que ele irá percorrer sendo que os primeiros três a quatro meses devem ser de adaptação as técnicas de movimento, sabendo para que cada exercício será utilizado, com cargas leves, devem ser feitas de uma a três séries de 12  a 15 repetições, menos que isso acarretará em uma adaptação incompleta ou muito lenta, além de 15 trará efeitos psicológicos de “mesmice” o que não é desejável, uma vez que a musculação deve ser sempre uma prática prazeroza.

Um fator muito importante, porém bastante negligenciado na maioria dos artigos sobre esse assunto é com relação ao tempo de descanso entre as séries, para treinos de hipertrofia com iniciantes um tempo maior em relação a indivíduos avançados dois a três minutos a partir daí pode obter bons resultados.
A medida em que o tempo passa poderemos perceber mudanças fisiológicas referentes a adaptação do organismo do indivíduo, após os primeiros meses podendo também evoluir com sobrecargas cada vez maiores promovendo sempre maior tensão gerando o aumento da musculatura podendo agora ser feitos exercícios de três a cinco séries de 6 a 10 repetições com cargas sub-máximas, seu movimento será lento, porém é realizado com velocidade máxima para aquela resistência. O descanso agora deverá ser diminuido para maiores ganhos na função cardiovascular, variando entre um e dois minutos.

[ad#admin]

Author: Murilo Rocha de Moraes

Estudante de Educação Física

Share This Post On

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *