A importância dos reforços de inverno para uma equipa de futebol

[ad#admin]

No decorrer do planeamento de uma temporada, uma equipa como o SL Benfica, Sporting Clube de Portugal ou FC Porto deve contar com possíveis saídas dos jogadores considerados importantes, por isso, deve fazer uma boa gestão do plantel.

Normalmente, os clubes fazem transferências de jogadores antes de começar a temporada e durante a reabertura do mercado. Este último é conhecido como o mercado de inverno e os jogadores que se contratam designam-se reforços de inverno. Os reforços de inverno são, assim, novos jogadores que chegam a um clube, durante o mês de janeiro, podendo ingressar em todas as competições que esse clube se encontra.

A importância dos reforços de inverno

Esses reforços são uma mais-valia para uma equipa de futebol, completando a equipa por diversas razões:

1. Substituir saídas

No mercado de inverno os clubes estão sujeitos à saída dos melhores jogadores ou de outros jogadores importantes do plantel. Para substituir essas saídas, o presidente do clube tem de fazer apostas nas contratações para substituir o jogador que saiu. Esse trabalho de contratações deve ser feito em conjunto com o treinador, para que esse fique a saber o jogador que vai ter na sua equipa.

2. Melhorar o plantel

Se na primeira volta do campeonato, o treinador percebeu que precisa de mais um ou dois jogadores para melhorar o seu plantel, esta é uma excelente oportunidade para emendar essa falha. Normalmente, no início do ano os treinadores só contam com, por exemplo, três centrais, precisando de mais soluções ao longo da época. Assim o mercado de inverno é uma excelente opção para reforçar a equipa de futebol e assim melhorar os resultados.

3. Completar o plantel devido a lesões

Durante a primeira volta do campeonato, existe a possibilidade de ocorrerem lesões, podendo ser lesões graves que impossibilitem o jogador de participar em vários jogos. Assim, o clube precisa de se reforçar para fortalecer a equipa e para não sentir a falta do jogador lesionado. Essa é uma das razões para a existência do mercado a meio do campeonato e a possibilidade de comprar reforços de inverno.

4. Aumentar a competitividade para as diferentes posições

Um plantel de futebol deve conter um ou dois jogadores a mais para haver competitividade pelo lugar no onze inicial. No princípio da época, a maioria dos clubes tem jogadores a mais para o plantel, fazendo uma escolha e emprestando alguns. Na reabertura do mercado, os clubes podem voltar a ter os jogadores emprestados para colmatar as saídas dos jogadores ou, apenas, para aumentar a competitividade para as diferentes posições. Uma equipa de futebol deve conter um ou dois jogadores a mais para cada posição. Por exemplo, se um treinador gosta de utilizar dois avançados no seu onze inicial, deve conter mas dois para existir uma competitividade saudável no plantel.

Um dos pontos negativos das transferências no mercado de inverno é a dificuldade que os jogadores têm em se adaptar ao novo clube. Como não existe um período sem competição, o jogador é posto logo à prova, porém, os clubes devem considerar todos os pontos negativos e positivos para a contração de reforços de inverno.

Estas são apenas algumas as razões da existência das transferências de inverno. As transferências são poucas comparadas com o mercado de verão. Cada clube deve planear muito bem as transferências no mercado de inverno para não haver muitas mudanças que prejudiquem o plantel.

[ad#admin]

Author: LuisEsteves

Apaixonado por jogos de casino e por apostas online, no futebol é adepto de dos melhores clubes de topo, como por exemplo o Benfica, Porto ou Sporting, entre outros colossos europeus.

Share This Post On

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *