Você já ouviu falar em Presenteísmo no ambiente de trabalho?

Presenteísmo. Aposto que, se você não conhece, essa palavra lhe parece com algo relacionado a presença, certo? Se você disse que sim, não está errado, mas saiba que ela tem mais a ver com ausência do que qualquer outra coisa, entenda.

O que é

O presenteísmo é aquela situação um tanto quanto chata em que o colaborador está presente fisicamente na empresa, mas o seu cérebro está bem longe, impedindo que ele se concentre e se dedique às suas tarefas diárias.

Ele pode ter pressa para terminar tudo logo e ficar livre, conta as horas para ir para casa e geralmente conduz suas atividades no “piloto automático”, ou seja, não se envolve, não participa, só faz o que lhe é pedido, e em muitos casos, com diversos erros.

Os efeitos

Essa prática traz efeitos negativos tanto para a empresa quanto para o colaborador, uma vez que o mesmo ficará o dia todo no trabalho sem produzir nada, gerando grande desgaste físico e mental, já para a empresa a perda é diretamente relacionada ao lucros.

Como evitar

Se isso está acontecendo em sua empresa, saiba que, assim como qualquer outro problema de gestão de pessoas, para esse também existe uma solução. Muitos empresários optam por demitir o colaborador, o que é nem sempre é certo, pois a opção mais correta é tentar alguns métodos que podem ser eficazes.

Um exemplo disso é designar ao colaborador um trabalho que tenha grande importância para o mesmo.

Vamos supor que um analista esteja fazendo tudo no “piloto automático”, o gestor pode, junto à ele, elaborar um PDI (Plano de Desenvolvimento Individual) e lhe oferecer um desafio maior, como um cargo ou um projeto diferente que lhe trará mais satisfação.

Como prevenir

Prevenir essa prática é realmente fundamental para trazer uma qualidade de vida no trabalho melhor aos seus colaboradores, além de ser essencial para evitar o famoso absenteísmo.

Invista em benefícios e serviços importantes, como: assistência médica, psicológica e jurídica, promova ações de incentivo e reconhecimento, treinamento, cursos, competições… Tudo isso pode ajudar e muito na motivação profissional e a evitar esse e outros tipos de problema.

Author: Bruno

Share This Post On

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Inscreva-se GRATUITAMENTE no Congresso

colocando seu NOME e EMAIL Abaixo e clicando no botão "Quero Reservar a Minha Vaga":






Sucesso! Verifique seu email.