Como reduzir a sua factura de água

[ad#admin]

Nestes tempos de crise, e de grandes dificuldades que se sentem no seio de um grande número de familias, todo o cuidado é pouco no sentido de gerir o orçamento familiar de cada mês.

Qualquer euro que se possa reduzir nas facturas é um euro que se pode poupar ou utilizar para poder comprar algo mais de alimentação.

Aqui se descrevem algumas ideias que se podem pôr em prática de modo a conseguir reduzir um pouco a factura da água… acções que têm dupla utilidade já que para além de baixar os nossos custos mensais também ajudamos o meio-ambiente, minimizando o consumo de água potável.

Às já conhecidas medidas, como são o colocar uma garrafa de 1,5lt com água dentro do autoclismo, trocar os banhos de imersão por duches, não deixar a torneira aberta quando se lavam os dentes ou se faz a barba, podem-se juntar outras tantas que podem ajudar a reduzir o consumo de água.

Experimente estas ideias:

– Use a água de lavar os seus vegetais, batatas, etc para regar as suas plantas.

Evite usar as águas de lavar o peixe ou a carne porque criariam maus cheiros em casa.

– Use um recipiente para recolher a água fria que sai antes de tomar um duche.

Em média gastam-se cerca de 5 lts de água até que a água saia quente da torneira. Multiplique esses 5 lts pelo numero de pessoas em casa e depois por 30 dias, e verá os litros de água que poupará ao fim do mês (uns 450lts por mês numa familia de 3 pessoas).

– Use a água que recolhe ao início do duche para o autoclismo. Poupará cerca de 4 ou 5 descargas ao dia.

– Não abra a torneira do duche ao máximo, se a abrir só pela metade reduz o fluxo de água que passa e que se desperdiça.

– Evite lavar o automóvel à mangueira. Se o costuma fazer habitualmente use um balde ou alguidar com água. Involucre os seus filhos e passarão bons momentos divertidos em familia.

– Se bebe água da torneira, use um jarro e encha-o quando usa água fria. Evitará que encham os copos desnecessariamente ou os deixem transbordar por distrações, ou que esperem para que a água não saia morna da torneira.

– Podendo recolher a água da chuva, passe-a por um filtro de papel para o café e use essa água para o ferro de engomar. Além de reaproveitar a água, esta não causa o calcário dentro do ferro de engomar, e escusa comprar água destilada no supermercado.

– Evite fazer meias cargas nas máquinas da loiça e da roupa. A meia carga gasta quase tanta água como uma carga completa.

– Não lave a loiça à mão com a torneira aberta. Use um alguidar para ensaboar a loiça e então se depois quiser, passe-a por água corrente.

– Não abra a torneira no sentido da água quente, mesmo por pouco tempo que o faça, disparará o esquentador e gasta gás desnecessáriamente. Se necessita de água fria movimente a torneira para o lado da água fria.

Estas são apenas algumas ideias, fáceis de adoptar e que no final do mês se traduzem numa boa poupança em litros de água.

Recorde que as crianças aprendem por imitação: todas as acções que tomar estarão a ajudar os vossos filhos para que aprendam a poupar também.

[ad#admin]

Author: delphi35

Share This Post On

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*